Mercedes-Benz comemora 25 anos da introdução do airbag

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Mercedes-Benz comemora 25 anos da introdução do airbag

Mensagem por Daniel AMG em Dom 4 Maio 2008 - 18:55

10.08.07
Mercedes-Benz comemora 25 anos da introdução do airbag



Há 25 anos, saiu da linha de produção da Mercedes-Benz em Sindelfingen, o primeiro automóvel produzido com airbag, um sedã Classe S. Foi o começo de uma nova era em segurança veicular, depois de mais de 13 anos de trabalho de desenvolvimento.

A Mercedes-Benz foi a primeira marca a oferecer o airbag, muito antes que qualquer outro fabricante automotivo. Ele é montado como equipamento de série em todos os automóveis Mercedes-Benz desde outubro de 1992, totalizando mais de 12 milhões de veículos produzidos com este dispositivo de segurança.

Desde 1987 até hoje, o airbag já salvou mais de 14.200 vidas nos Estados Unidos, de acordo com pesquisas de acidentes. Na Alemanha, o airbag já preveniu mais de 2.500 ocorrências fatais com passageiros de automóveis desde 1990.

Pioneirismo em itens de segurança

O airbag, assim como outras invenções da Mercedes-Benz, como a zona de amassamento, sistemas de direção segura, tensionador de cintos, sistema de freios antibloqueio, atestam o importante papel de pioneirismo desempenhado pela marca no que se refere à segurança dos automóveis.

O desenvolvimento do airbag começou em 1967. Muito embora a idéia de uma almofada de ar estivesse em discussão desde o início dos anos cinqüenta, os engenheiros não tinham conseguido uma solução que transformasse a visão em realidade.

A equipe Mercedes-Benz tinha obtido grande progresso com o desenvolvimento de um sistema de sensores e um gerador de gás capaz de disparar um airbag em apenas 30 milisegundos. Os engenheiros da marca também desenvolveram o tecido resistente a rasgos, melhoraram as características de inflamento e tornaram possível armazená-lo no volante.

Depois de mais de 250 testes de impacto veicular, 2.500 testes de deslizamento e mais de sete milhões de quilômetros de ensaios em automóveis de teste, o airbag estava finalmente pronto para produção em dezembro de 1980, quando fez sua estréia, juntamente com outra inovação, o tensionador de cintos, na Mercedes-Benz Classe S.

Já em 1991, cerca de 28% de todos os automóveis Mercedes-Benz eram equipados com airbag do motorista. E ele tem sido montado como equipamento de série em todos os automóveis da marca desde outubro de 1992.

Desde o princípio, a Mercedes-Benz tinha projetado o airbag para complementar o cinto de segurança de três pontos, cuja função primária era proporcionar proteção adicional no caso de um impacto frontal.

Inovações Mercedes-Benz: airbags laterais e de janela

O lançamento mundial do airbag do motorista foi seguido pelo lançamento, em 1988, do airbag do passageiro dianteiro e, em 1995, pela introdução de um dos primeiros airbags laterais para automóveis. A eles se somaram os airbags de janela desde 1998. Este também foi o ano em que a Mercedes-Benz introduziu os airbags adaptativos, que disparam em dois estágios, dependendo da gravidade do acidente, proporcionando uma proteção ainda mais eficaz.

Além disso, o PRE-SAFE, um sistema de proteção antecipada lançado pela Mercedes-Benz em 2002 e ainda não disponível por qualquer outro fabricante automotivo, otimiza o efeito protetor do cinto de segurança e do airbag.

Antes de um acidente em potencial, o prévio tensionamento dos cintos dianteiros e o reposicionamento dos assentos preparam os ocupantes para uma possível colisão, permitindo que os cintos e os airbags ofereçam o mais alto nível de proteção possível quando ativados.

A Mercedes-Benz Classe S é equipada com um total de oito airbags: dois airbags adaptativos, quatro laterais e dois de janela. A tecnologia do airbag é livre de manutenção e permanece funcional por toda a vida útil do automóvel.

Visão do futuro: um airbag que é disparado antes do impacto

Os airbags continuarão a desempenhar um papel importante na segurança dos automóveis no futuro. Os engenheiros da Mercedes-Benz estão analisando a possibilidade de um sistema protetor que automaticamente se adapte a levar em consideração a situação corrente de acidente e os ocupantes do carro. Sofisticada tecnologia de radar, como a recentemente introduzida na nova Classe S, poderia oferecer antecipadamente os dados necessários para calcular a gravidade de um acidente inevitável antes do impacto real.

Dessa forma, os airbags poderiam se tornar parte integrante do sistema PRE-SAFE, disparando antes do impacto, em estágios mais lentos e com um maior volume de ar, a fim de proteger os ocupantes por um período mais longo de tempo.

Outra prioridade para os airbags do futuro será proporcionar ainda mais proteção personalizada. Deverá ser possível, por exemplo, programar o computador de bordo com informações como idade, sexo e dados biométricos dos ocupantes (tamanho e peso) para personalizar o sistema de proteção de acordo com características individuais.

Daniel AMG
Usuário Platina
Usuário Platina

Número de mensagens : 2671
Data de inscrição : 19/10/2007
Sexo : Masculino País : Brasil

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum