Placa Preta - Manual do avaliador da FBVA

Página 1 de 3 1, 2, 3  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Placa Preta - Manual do avaliador da FBVA Empty Placa Preta - Manual do avaliador da FBVA

Mensagem por Hiro em Qui 5 Jun 2008 - 0:05



Seguindo a sugestão do Fassheber. :pos:
Retirado do FNVA: [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

--------------------------------------------------------------------
Manual do Avaliador

Para a correta avaliação de um automóvel antigo é necessário que o avaliador se atenha a alguns fatores que podem levar, ou não, a emissão de um Certificado de Originalidade (C.O.) ao referido veículo.

1 – Itens excludentes – Impeditivos para a avaliação – Alguns itens descaracterizam a aparência do veículo e impedem sua avaliação, desclassificando-o para a obtenção da placa preta, conforme abaixo:

· Qualquer modificação ou alteração na carroceria – Serão aceitas apenas modificações feitas por encarroçadoras, sob encomenda do fabricante, como por exemplo: Karmann-Ghia, Bertone e Brasinca;
· Pinturas extravagantes ou fora dos padrões de fábrica do veículo – Serão aceitas, neste caso, cores opcionais de catálogo do fabricante, desde que da mesma época;
· Rebaixamento de suspensões;
· Motores e coletores de épocas diferentes ou de outras marcas – O motor poderá ser igual (se não for o original), porém com características estéticas originais. A cor do Motor também será excludente. Será aceito apenas o motor na cor original com ressalvas à diferença tonalidade do original.
· Bancos individuais ou esportivos em carros de bancos inteiriços – Se o banco não for o mesmo da linha de produção do modelo, será considerado item excludente.
· Rodas inadequadas – (tolerar opcionais de fábrica) – A mudança de aro e de tala será item excludente indiscutível. Caso como as rodas do Ford modelo “A” com a borda virada ou não, poderá ser aceito, mas os pontos da roda serão dados como zero. Exemplares exclusivos de um modelo especial serão aceitos apenas para o modelo especial em questão (como o Fusca 1600 S, que possuía rodas 14” e não 15” como dos outros modelos de Fusca).
· Carros muito originais porém mal conservados, pois fogem ao princípio básico de preservação e cuidado.
· Carros ainda em recuperação.
· Ausência de equipamentos obrigatórios, pois a segurança ao rodar, preservando o seu patrimônio e a integridade de terceiros, deve ser regra básica entre os colecionadores.
· Réplicas – Não serão aceitas reproduções de outros modelos de épocas diferentes. Serão ponderadas réplicas fabricadas sob licença das fabricantes primárias.
· Adaptações à gás – Veículos adaptados ao sistema de GNV não serão aceitos, porém em casos como o gasogênio, este será considerado como acessório de época.
2 – Procurar avaliar os automóveis que conheça bem – Como é difícil saber-se com detalhes os acabamentos de todas as marcas, em todos os anos de fabricação, é conveniente que cada clube possua avaliadores especializados em determinadas marcas ou décadas. Também é interessante conhecer antecipadamente o veículo que será avaliado, pois isto permitirá uma consulta prévia aos manuais.
3 – Marcar dia e local combinado para as avaliações – Concentrar os trabalhos em um único dia e solicitar o funcionamento do veículo, bem como analisar funcionamento de freios, etc. A FBVA sugere que o tempo entre o pedido do C.O. e a entrega à FBVA não ultrapasse 15 dias.
- Quanto aos avaliadores, o mínimo de três avaliadores será exigido para a avaliação, porém, a assinatura será feita por apenas duas pessoas, o Presidente do Clube e o especialista escolhido para a avaliação do mesmo.
4 – Graduação na pontuação – A pontuação máxima deverá ser dada ao item que seja original (ou de reposição semelhante ao original) em perfeito estado. Não se pontuará aquele item alterado grosseiramente. Situações intermediárias levarão a pontuação entre os valores máximo e mínimo.
- No item cores, serão excluídas as cores diferentes e analisar-se-á apenas a diferença de tonalidade destas em comparação com a cor básica original.
5 – Capotas – Aqui serão analisados os conversíveis e os veículos com teto de vinil. Para os conversíveis, analisar a cor, o tipo de tecido, as costuras, o desenho das costuras, a posição da armação das ferragens e seu funcionamento,. Os demais modelos que não se enquadrarem nessas categorias deverão receber a totalidade de pontos deste quesito.

6 – Na identificação do veículo, marcar se é original ou restaurado – Os carros originais, sem restauração e em excelente estado de Conservação, poderão ser avaliados com menos rigor em itens que se deterioram com o tempo.

7 – Dúvidas – Deverão ser esclarecidas com o Diretor Regional da FBVA, que consultará especialistas na área em questão. Caberá aos Clubes filiados orientar os associados a respeito dos itens avaliados, quais itens são excludentes, etc.

8 – Automóvel nota 100 – Os critérios da FBVA dificultam a obtenção dos 100 pontos, devendo a nota máxima ser reservada a excelentes restaurações, que sigam rigorosamente os padrões de originalidade (cuidado com as restaurações acima dos padrões de originalidade). Todavia os novos critérios não impedem a obtenção do C.O., que é conseguido com pelo menos 80 pontos.

9 – Valor da Avaliação – A FBVA sugere que um processo de placa preta tenha o valor máximo de R$ 120,00 dos quais R$ 40,00 será destinado à Federação para custos operacionais e o restante ao Clube. O valor é apenas uma sugestão, podendo o clube cobrar o que achar melhor, desde que reserve a parcela destinada à FBVA.
10 – Acessórios e Opcionais – Serão permitidos apenas acessórios originais de época ou opcionais de fábrica, desde que apropriados para o modelo em questão e que estes não façam parte do rol de itens excludentes.
DOCUMENTAÇÃO

1 – O Documento do veículo (CRV) que será avaliado, deverá estar já registrado em nome do sócio do Clube. Serão aceitos casos onde o titular seja o cônjuge ou parentes em grau de ascendência com o sócio e, para veículos registrados em nome de pessoa jurídica, o sócio do Clube deverá ser pelo menos o sócio-gerente da empresa também.
Serão tolerados casos de nova aquisição, onde o nome do associado deverá constar inscrito no recibo de venda do veículo.

2 – O C.O. emitido pela FBVA em conjunto com os clubes membros, pertence ao carro e não ao proprietário do carro. Assim, é um documento que acompanhará o CRV (documentos) nos casos de venda do veículo, ou vendas. Neste caso, conforme o termo de responsabilidade assinado pelo proprietário no processo de placa preta, a FBVA e o Clube responsável pelo certificado do mesmo, deverão ser informados sobre a mudança de proprietário.
O novo dono deverá também ser associado a um clube membro da FBVA, pois, se não o for, o C.O. deverá ser cancelado pelo Clube vistoriador, por ofício ao Ciretran/Detran com cópia à FBVA que por sua vez oficiará ao Denatran confirmando o seu cancelamento.

A FBVA e clubes associados tornam-se responsáveis por um C.O. ao emiti-lo, e assim, deverão manter estreita vigilância e observação sobre o veículo portador. Face a isso, a mesma responsabilidade que assumirão ao emitir o C.O. lhes autorizará cancela-lo perante as autoridades, sempre que alguma norma for desrespeitada ou o automóvel beneficiário desapareça de seus quadros. Isso valerá aos autos vendidos ou aos sócios que deixarem de pertencer aos clubes.


3 – No processo de avaliação não mais será obrigatório constar o item R.G. nos espaços referentes aos dados do proprietário.


Última edição por Hiro em Qui 5 Jun 2008 - 0:30, editado 1 vez(es)
avatar
Hiro
Usuário Platina
Usuário Platina

Número de mensagens : 2642
Data de inscrição : 19/10/2007
Interesses : .
Sexo : Masculino País : Brasil
Estado : São Paulo
Advertências : Sem restrição

Voltar ao Topo Ir em baixo

Placa Preta - Manual do avaliador da FBVA Empty Aplicação da pontuação

Mensagem por Hiro em Qui 5 Jun 2008 - 0:08



APLICAÇÃO DA PONTUAÇÃO


EQUIPAMENTOS OBRIGATÓRIOS:

Como o próprio nome indica, a falta de qualquer desses itens impedirá a avaliação. Deverão ser verificados os itens pertinentes a cada modelo ou época do veículo. Serão exigidos os que equipavam o auto em análise, quando de sua fabricação, em perfeito funcionamento.



1 – mecânica (31 pontos)

Motor:

Bloco do Motor / Coletores (10 pontos): Atribuir unicamente ao automóvel que estiver com motor original, em prefeito estado, inclusive de apresentação, cor correta, limpeza, etc.

Ou o motor é original ou não. As exceções que cada avaliador poderá aceitar ou não serão decididas em função da qualidade do próprio veículo ou sua raridade e julgada em separado pela Comissão FBVA.

O motor não original poderá gerar duas situações distintas:

- a) desclassificar o automóvel, impedindo sua avaliação, se for inadequado, como de épocas e cilindradas diferentes, de outras marcas, etc.
Ex: Ford modelo “T” com motor do modelo “A”; Chevrolet Impala com motor de Corvette; Morris Oxford com motor de Chevette, etc..

- b) Permitir a avaliação, perdendo o total de pontos correspondentes, recebendo 0 (zero).
Ex: Chev. Belair 1955 6 cil. Com motor V8 que saiu também no Belair 55. Fusca 1200cc utilizando o 1300cc será permitido, mas os pontos serão “zero”.
Motor do Fusca 1200cc alterado para 1500cc, será item desclassificatório.

Carburador / Filtro de ar (3 pontos): Cada peça tem valor de 1,5 pontos. Carburador correto e filtro de ar não, ou vice-versa, pontuar com a metade (1,5).

Distribuidor / Cabos de velas: (3 pontos): Não serão aceitos cabos de velas coloridos se não originais, de alta voltagem, tampas de distribuidor transparentes, etc.
NÃO HÁ PONTUAÇÃO INTERMEDIÁRIA: OU TRÊS PONTOS OU ZERO

Transmissão:

Caixa de Câmbio / Diferencial (2 pontos): Só para conjuntos originais. Carros automáticos ou flid-drive transformados em mecânicos (ou o contrário), caixas over-drive suplementares quando não acessórios de época, perderão os dois pontos.
SEM PONTUAÇÃO INTERMEDIÁRIA: OU 2 OU ZERO

Suspensão:

Amortecedores / Elementos Essenciais (2 pontos): Deverão ser os corretos do carro. Autos com amortecedores de “bracinho” substituídos por “garrafa”; a ausência de amortecedores; amortecedores a gás ou ar comprimido quando não existiam, etc, zerar pontos.
SEM PONTUAÇÃO INTERMEDIÁRIA: OU 2 OU ZERO




Rodas (5 pontos): Só originais. Deverá ser verificado o estado das mesmas; só aceitar rodas esportivas que forem opcionais de fábrica, na época. Exigir rodas perfeitas e bem pintadas.
COM PONTUAÇÃO INTERMEDIÁRIA: considerando a aparência e estado de conservação

Pneumáticos (2 pontos): As medidas deverão ser corretas; o tipo (radial, Wide-Oval, ou diagonal, etc) idem. O estado de segurança deverá ser observado.
Ex: em um Chevrolet 1947 os pneus deverão ser 600x16 ou 650x16; no Impala 1961, 700x14 – 750x14 ou 800x14, sempre diagonais. Não aceitar pneus radiais onde o equipamento original era de pneus diagonais. Poderão ser aceitos ajustes em alguns poucos carros europeus cujas medidas intermediárias já não são mais fabricadas, como alguns modelos Citroen, Alfa-Romeo, etc.
Faixas brancas não serão exigidas, pois eram opcionais.
COM PONTUAÇÃO INTERMEDIÁRIA: vai de “0” a “2” pontos

Freios:

Freios (4 pontos): só para os sistemas originais. Freios a disco ou hidrovácuos quando não os havia; substituição de travão por sistema hidráulico, etc. zerar pontos.
SEM PONTUAÇÃO INTERMEDIÁRIA: OU 4 PONTOS OU ZERO

2 – Parte Elétrica (10 pontos)

Voltagem (03 pontos): unicamente para voltagem original. Se modificada, zerar ponto.
SEM INTERMEDIÁRIA: OU 3 OU ZERO

Dínamo / Alternador (03 pontos): só para o sistema original. Se substituído o dínamo por alternador ou alternador por outro que não o do carro, independentemente da voltagem, zerar a pontuação.
Assim, por exemplo, o automóvel que passou de 6 para 12 volts e houve a substituição do dínamo por alternador, perderá 6 pontos (3 da voltagem + 3 do alternador), não perdendo mais nenhum ponto por lâmpadas, motor de arranque, bobina, etc..
Em casos de troca de voltagem mas com permanência do dínamo (substituição do dínamo de 6 volts por um outro dínamo de 12 volts da mesma marca) será considerada a pontuação intermediária.
COM PONTUAÇÃO INTERMEDIÁRIA: DE 3 PONTOS ATÉ ZERO (considerar a mudança de voltagem mas a não troca de dínamo por alternador)

Instalação Elétrica (02 pontos): Deverão ser verificados a qualidade e o estado da fiação, sem emendas desnecessárias com fita isolante, etc, sua correta posição na parede de fogo, terminais adequados, etc..
COM INTERMEDIÁRIA: DE 0 ATÉ 2 PONTOS

Bobina / Magneto (02 pontos): Deverão ser idênticas às originais, não sendo aceitas bobinas especiais de alta performance, coloridas, etc..
COM PONTUAÇAO INTERMEDIÁRIA: DE 0 ATÉ 2 PONTOS


3 – Parte Externa do Veículo (38 pontos)

Pintura (08 pontos): as cores e o esquema de pintura deverão ser os originais da época. Não serão aceitas cores que definitivamente não se aplicavam ao modelo em exame, carros maquiados com faixas ou semelhanças características de determinado modelo só serão aceitos no modelo original. A pintura deverá estar em bom estado, sem manchas de retoques ou outras. A cor correta do motor deverá ser também avaliada. Quanto mais original e antiga (sem restauração) mais será tolerado o desgaste.
COM PONTUAÇAO INTERMEDIÁRIA DE 0 ATÉ 8 PONTOS, PORÉM CUIDADOSAMENTE AVALIADA.

Carroceria (05 pontos): Perfeição na funilaria, alinhamento de lataria e partes móveis, etc. Não deverão ser aceitos autos grosseiramente lanternados, com partes deformadas, etc.
COM PONTUAÇAO INTERMEDIÁRIA DE 0 ATÉ 5 PONTOS.

Cromados, Frisos e Adornos (05 pontos): Deverão ser observados a qualidade e estado das partes cromadas: não deverão ser aceitas partes muito enferrujadas, cromados descascando ou mesmo disfarçados com tinta metálica. Ao avaliar-se este item, deverão ser verificados também se eram adequados ao carro em análise os adornos, frisos, espelhos exteriores, etc.
COM PONTUAÇAO INTERMEDIÁRIA DE 0 ATÉ 5 PONTOS.

Pára-Choques (05 pontos): Dever-se-á verificar se são os corretos do carro, bem como suas garras e protetores. O aspecto cromação já foi analisado no item anterior.
COM PONTUAÇAO INTERMEDIÁRIA DE 0 ATÉ 5 PONTOS.

Calotas (03 pontos): Só serão aceitas as originais do carro. Deverá ser avaliado seu estado de conservação. Se não forem as calotas corretas, a pontuação deverá ser zerada.
COM PONTUAÇAO INTERMEDIÁRIA DE 0 ATÉ 3 PONTOS.

Faróis / Lanternas (05 pontos): Deverá ser verificado se são os originais e em que estado se encontram. Ex. Não deverão ser aceitos faróis selados em Ford 29; faróis de lâmpadas onde o original deveria ser Sealed-Bean, etc. Faróis auxiliares, considerados acessórios de época, serão avaliados no item adornos.
COM PONTUAÇAO INTERMEDIÁRIA DE 0 ATÉ 5 PONTOS.

Vidros (02 pontos): Deverão estar em bom estado de apresentação e segurança. Não poderão estar quebrados, rachados ou muito riscados, principalmente sulcados por limpadores de pára-brisa.
COM PONTUAÇAO INTERMEDIÁRIA DE 0 ATÉ 2 PONTOS.

Capotas (05 pontos): Neste item serão avaliados duas situações distintas, para carros conversíveis e veículos com teto de vinil:
a- Conversíveis: Deverá ser verificada correção do desenho, armação, cajados, fixação, tipo de tecido ou plástico usado, costura correta, funcionamento do mecanismo e estado de conservação.



b- Teto de Vinil: Deverá ser analisado se o vinil do teto é original ou do mesmo tecido e estampa, analisados a cor, estado de conservação e a posição correta das costuras.
COM PONTUAÇAO INTERMEDIÁRIA DE 0 ATÉ 5 PONTOS (Carros não conversíveis e que não possuem o teto de vinil, somar os 5 pontos).

Caçambas (05 pontos): Item exclusivo para pick-ups (veículos que não possuem caçamba adicionar os 5 pontos), Deverão ser analisadas as condições do assoalho, originalidade dos mesmos, a correta posição das dobras da lata, o material dos pára-lama, a posição correta da placa traseira, etc..
COM PONTUAÇAO INTERMEDIÁRIA DE 0 ATÉ 5 PONTOS.

4 – Parte Interna do Veículo (21 pontos)

Painel (06 pontos): Parte muito importante. Deverá conter, e somente conter, todos os relógios e instrumentos de origem, em bom estado e com boa grafia, o rádio (quando houver) nos lugares corretos (serão tolerados relógios adicionais de temperatura “termostato” desde que escondidos da visibilidade do painel). Painéis em cores extravagantes que destoem do conjunto harmonioso do painel, serão considerados item excludente. Rádios modernos serão aceitos desde que escondidos, afinal, o proprietário também tem o direito de visar o prazer ao dirigir o seu antigo.
COM PONTUAÇÃO INTERMEDIÁRIA DE 0 A 6 PONTOS, PORÉM CUIDADOSAMENTE AVALIADA

Estofamento (06 pontos): somente para os originais, refeitos ou substituídos no desenho e com materiais idênticos aos originais. Poderão ser tolerados sinais de desgaste quando o estofamento for o original do carro..
COM PONTUAÇÃO INTERMEDIÁRIA DE 0 ATÉ 6 PONTOS,

Volante e Aro da Buzina (onde houver) (3 pontos): somente para os originais e em bom estado. Não sendo o original, a pontuação deverá ser zerada.
COM PONTUAÇÃO INTERMEDIÁRIA DE 0 ATÉ 3 PONTOS

Forração do Assoalho, Tapetes e Carpetes (02 pontos): somente para os originais, refeitos ou substituídos no desenho, na cor e com materiais idênticos aos originais.
SEM PONTUAÇÃO INTERMEDIÁRIA

Maçanetas (06 pontos): somente para os originais ou idênticos aos originais.
SEM PONTUAÇÃO INTERMEDIÁRIA
Porta Malas (02 pontos): somente para os originais ou idênticos aos originais.
SEM PONTUAÇÃO INTERMEDIÁRIA
avatar
Hiro
Usuário Platina
Usuário Platina

Número de mensagens : 2642
Data de inscrição : 19/10/2007
Interesses : .
Sexo : Masculino País : Brasil
Estado : São Paulo
Advertências : Sem restrição

Voltar ao Topo Ir em baixo

Placa Preta - Manual do avaliador da FBVA Empty Planilha de pontuação

Mensagem por Hiro em Qui 5 Jun 2008 - 0:08



Planilha de pontuação para Automóveis e Pick-ups


1 - Mecânica (31 pontos) ..................................
motor:
bloco do motor/coletores (10 ) : ...............
carburador/filtro de ar ( 3 ) : ...............
distribuidor/cabos de velas ( 3 ) : ...............
transmissão:
caixa de câmbio/diferencial ( 2 ) : ...............
suspensão:
amortecedores/elementos essenciais ( 2 ) : ...............
rodas ( 5 ) : ...............
pneumáticos ( 2 ) : ...............
freios ( 4 ) : ...............

2 - Parte elétrica (10 pontos) ............................

voltagem ( 3 ) : ...............
instalação elétrica (correção e aspecto) ( 2 ) : ...............
dínamo/alternador ( 3 ) : ...............
bobina/magneto ( 2 ) : ...............

3 - Parte externa do veículo (38 pontos) ..................

carroceria ( 5 ) : ...............
pintura ( 8 ) : ...............
cromados, frisos e adornos ( 5 ) : ...............
pára-choques ( 5 ) : ...............
calotas ( 3 ) : ...............
faróis/lanternas ( 5 ) : ...............
vidros ( 2 ) : ...............
Capotas (para conversíveis). – Teto de Vinil –
Caçambas (para Pick-ups) Outros modelos somar 5 pontos ( 5 ) : ...............


4 - Interior do veículo (21 pontos) ....................

painel ( 6 ) : ...............
estofamento ( 6 ) : ...............
volante ( 3 ) : ..............
tapetes ( 2 ) : ...............
maçanetas ( 2 ) : ...............
porta-malas ( 2 ) : ...............

Total: ....................
avatar
Hiro
Usuário Platina
Usuário Platina

Número de mensagens : 2642
Data de inscrição : 19/10/2007
Interesses : .
Sexo : Masculino País : Brasil
Estado : São Paulo
Advertências : Sem restrição

Voltar ao Topo Ir em baixo

Placa Preta - Manual do avaliador da FBVA Empty Re: Placa Preta - Manual do avaliador da FBVA

Mensagem por anthrax19 em Dom 17 Ago 2008 - 20:08



Muito bom essa planilha... é legal eu me informar pois estou pesquisando para colocar placa preta em um veiculo!!!

Abraço!
anthrax19
anthrax19
Usuário Bronze
Usuário Bronze

Número de mensagens : 213
Data de inscrição : 13/08/2008
Interesses : MERCEDES-BENZ/ BMW/ DODGE/ ESPORTIVOS NACIONAIS/ MOTOS ESPORTIVAS E CUSTOMS/ BIKE/ HOT ROD'S
Sexo : Masculino País : Brasil
Advertências : Sem restrição

Voltar ao Topo Ir em baixo

Placa Preta - Manual do avaliador da FBVA Empty Re: Placa Preta - Manual do avaliador da FBVA

Mensagem por Convidad em Seg 18 Ago 2008 - 15:49



Moderador Hiro,

Muito interessante a planilha. Eu posso entao entender que todos os clubes de autos antigos ou classicos devem usar a mesma para avaliar?

Se sim, pergunto mais uma coisa, como eh feita a availiacao do avaliador e como que certifica-se que o mesmo possui conhecimento bastante para tal ou pifio para tal?
avatar
Convidad
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Placa Preta - Manual do avaliador da FBVA Empty Re: Placa Preta - Manual do avaliador da FBVA

Mensagem por Convidad 2 em Seg 18 Ago 2008 - 17:14



John, esse é o grande problema, ...os avaliadores. Tem clube de fusca avaliando mercedes e vice versa... No Veteran daqui estamos adotando o seguinte: Existe uma comissão que faz a avaliação preliminar... em seguida, chamam-se os que possam entender daquele carro específico para uma nova avaliação, considerando detalhes específicos.Aí ten-se tempo de pesquisar dúvidas. É lógico, como a região é pequena e o pessoal gosta mesmo é de nacionais e americanos, isso fica fácil de se resolver.
Mas a tabela é uma boa referência para quem quer placas pretas e é onde eu digo que determinadas alterações sozinhas não descredenciam o carro da placa preta.. Agora...coisas berrantes não né??? Se verificar a tabela, ela é bem justa. Dificilmente consegue-se 100 pontos, sempre tem algo desgastado e o critério é que é sempre melhor o original com POUCO desgaste do que o restaurado
avatar
Convidad 2
Usuário Platina
Usuário Platina

Número de mensagens : 8374
Data de inscrição : 19/10/2007
Interesses : Mercedes antigas
Sexo : Masculino País : Brasil
Estado : Santa Catarina
Advertências : Sem restrição

Voltar ao Topo Ir em baixo

Placa Preta - Manual do avaliador da FBVA Empty Re: Placa Preta - Manual do avaliador da FBVA

Mensagem por MarcosPR em Seg 18 Ago 2008 - 17:21



FBVA irá revisar Placas Pretas

Em nota divulgada por sua assessoria de imprensa, a Federação Brasileira de Veículos Antigos — FBVA — acaba de anunciar que terá início durante o 16° Encontro do Automóvel Antigo de Juiz de Fora, que acontece neste final de semana, 1º a 3 de agosto, a revisão de todos os veículos com placas pretas emitidas pelos clubes afiliados. Os veículos que forem vistoriados receberão um selo, atestando estar de acordo com as normas vigentes.


Este tema está entre os mais polêmicos, quando o assunto é veículo antigo. Existem hoje no Brasil dois tipos de clubes: os afiliados à Federação Brasileira de Veículos Antigos — os chamados “federados” — e os independentes. Os clubes federados têm autorização da FBVA para a vistoria de veículos candidados à placa preta. Os Certificados de Originalidade (documento que autoriza a colocação da placa preta) emitidos por estes clubes recebem o aval da própria Federação. Já os independentes recebem esta autorização diretamente do Denatran.

Para obter as famosas placas pretas o veículo antigo deve cumprir alguns critérios: ter sido fabricado a pelo menos 30 anos e receber pelo menos 80 pontos (de um total de 100) em vistoria realizada por um clube autorizado (pela FBVA ou Denatran). A avaliação leva em conta, originalidade, estado de conservação e qualidade da restauração (se o veículo for restaurado).

Ocorre que muitas vezes é fácil se constatar irregularidades. Há casos em que o proprietário por desconhecimento ou má fé, altera as características originais do veículo após a vistoria, tornando-o irregular. Em outros casos, avaliações sem critério “premiam” com as placas pretas veículos sem condições para tal.

A medida anunciada hoje (31 de julho de 2008) atinge somente os veículos cujas vistorias foram realizadas por clubes afiliados e tem por objetivo de coibir as regularizades hoje existentes no setor.

A nota não esclarece como se dará a vistoria em âmbito nacional. Se através de uma re-vistoria geral realizada por um representante da própria Federação ou através de uma reavaliação realizada pelo próprio clube que fez a avaliação anterior.

A Federação Brasileira de Veículos Antigos tem hoje 80 clubes afiliados, 4.200 antigomobilistas e 21 mil automóveis cadastrados. Atualmente sua sede fica em Juiz de Fora-MG e seu presidente é Henrique Thielmann. Em 12 anos, foram emitidas cerca de 12 mil placas pretas.

O Portal Maxicar parabeniza a Federação Brasileira de Veículos Antigos pela iniciativa, já que providencias têm sido sempre reinvidicadas por antigomobilistas sérios de todo o Brasil.

Fonte: Portal Maxicar
MarcosPR
MarcosPR
Usuário Ouro
Usuário Ouro

Número de mensagens : 773
Data de inscrição : 22/10/2007
Interesses : Mercedes-Benz
Sexo : Masculino País : Brasil
Estado : Paraná
Advertências : Sem restrição

Voltar ao Topo Ir em baixo

Placa Preta - Manual do avaliador da FBVA Empty Re: Placa Preta - Manual do avaliador da FBVA

Mensagem por Convidad 2 em Seg 18 Ago 2008 - 17:29



Marcos, de qualquer modo, TODO certificado tem validade de até 5 anos, quando é o período máximo para reavaliação. Em casos de aberrações, cabe ao clube ao qual o carro está filiado, a retirada da certificação. o que é feito com encaminhamento de ofício ao Detran e ao proprietário. Lógico, primeiro conversa-se para que as alterações sejam retiradas. Se nada acomntecer, tomam-se as medidas legais cabíveis...
Quanto a uma chamada geral dos carros, não acredito que saia, não há estrutura para tal...infelizmente
avatar
Convidad 2
Usuário Platina
Usuário Platina

Número de mensagens : 8374
Data de inscrição : 19/10/2007
Interesses : Mercedes antigas
Sexo : Masculino País : Brasil
Estado : Santa Catarina
Advertências : Sem restrição

Voltar ao Topo Ir em baixo

Placa Preta - Manual do avaliador da FBVA Empty Re: Placa Preta - Manual do avaliador da FBVA

Mensagem por MarcosPR em Seg 18 Ago 2008 - 17:41



Exatamente, Fassheber, também sou bem pessimista quanto a isso.

Coloquei a nota porque achei interessante para o tópico.

Na época que eu tive o Karmann-ghia vi coisas de assustar :affraid: sobre as placas pretas...
MarcosPR
MarcosPR
Usuário Ouro
Usuário Ouro

Número de mensagens : 773
Data de inscrição : 22/10/2007
Interesses : Mercedes-Benz
Sexo : Masculino País : Brasil
Estado : Paraná
Advertências : Sem restrição

Voltar ao Topo Ir em baixo

Placa Preta - Manual do avaliador da FBVA Empty Re: Placa Preta - Manual do avaliador da FBVA

Mensagem por Alan em Seg 18 Ago 2008 - 19:17



acho bom mesmo!

ontem aconteceu aqui em Itu o encontro anual de Mustangs, entre os Mustangs apareceram meia duzia de outros antigos e um Mercuri 51 conversivel cor beringela metalico simplesmente divino! quando ele passou por mim sem fazer um ruidinho se quer já desconfiei e Bingo! deitei debaixo dele e estava com toda a mecanica de Galixie e aros largos, se bem que com calotas originais. E TINHA PLACA PRETA!

E eu lutei 4 anos para deixar meu Land Rover 54 com 94% de originalidade e ainda indiquei a unica peça que não era conforme.
Alan
Alan
Usuário Platina
Usuário Platina

Número de mensagens : 2336
Data de inscrição : 21/10/2007
Interesses : mecanica e antigomobilismo
Sexo : Masculino País : Brasil
Estado : São Paulo
Advertências : Sem restrição

Voltar ao Topo Ir em baixo

Placa Preta - Manual do avaliador da FBVA Empty Re: Placa Preta - Manual do avaliador da FBVA

Mensagem por Perissoto em Seg 18 Ago 2008 - 19:46



Mas o Mercuri, que era uma divisão da Ford Motor Company, que se não
me engano já não existe mais usava o mesmo motor da Ford. O motor 272/
292 que veio a ser usado no Galaxie, F600, já era usado na decada de 50
nos EUA. Já vi varios Fairlaines, Crown Victoria, Galaxie Americano, etc...
com esse motor.
Perissoto
Perissoto
Usuário Prata
Usuário Prata

Número de mensagens : 403
Data de inscrição : 11/02/2008
Interesses : Mercedes Benz Antigas
Sexo : Masculino País : Brasil
Estado : São Paulo
Advertências : Sem restrição

Voltar ao Topo Ir em baixo

Placa Preta - Manual do avaliador da FBVA Empty Re: Placa Preta - Manual do avaliador da FBVA

Mensagem por Alan em Seg 18 Ago 2008 - 20:10



neste caso até o chassis, já fizemos uma adaptação por aqui, até o comprimento do diferencial é maior, e este chassis não tinha mais que 50 anos e o indicador de posição do automatico na alavanca na direção tambem era de galoxão.

que seje, tava lindo, mas sem direito a placa preta.
Alan
Alan
Usuário Platina
Usuário Platina

Número de mensagens : 2336
Data de inscrição : 21/10/2007
Interesses : mecanica e antigomobilismo
Sexo : Masculino País : Brasil
Estado : São Paulo
Advertências : Sem restrição

Voltar ao Topo Ir em baixo

Placa Preta - Manual do avaliador da FBVA Empty Re: Placa Preta - Manual do avaliador da FBVA

Mensagem por Perissoto em Seg 18 Ago 2008 - 20:29



Ahh bão. Neste caso não tem nem que falar. Estou preocupado com o
Film que coloquei, não queria retirar. Acho que o meu caso é bem mais
brando, pois a hora que quiser eu tiro, se quiser tirar.
Perissoto
Perissoto
Usuário Prata
Usuário Prata

Número de mensagens : 403
Data de inscrição : 11/02/2008
Interesses : Mercedes Benz Antigas
Sexo : Masculino País : Brasil
Estado : São Paulo
Advertências : Sem restrição

Voltar ao Topo Ir em baixo

Placa Preta - Manual do avaliador da FBVA Empty Re: Placa Preta - Manual do avaliador da FBVA

Mensagem por Convidad em Seg 18 Ago 2008 - 22:26



Perissoto,

O primeiro Mercury que ganhou um V8 com comando de valvulas no cabeçote foi o 1954, semelhante ao dos nossos primeiros Galaxies, mas diferentes dos 302"canadenses", que o Galaxie recebeu a partir de 1976. Em 1951 ainda tinhamos os "cabeça chata", iguais aos primeiros V8 da Ford da década de 30, com comando de valvula lateral. Interessante que nos EUA ainda são produzidos "venenos" para esses Ford V8 da primeira geração.

Se o Alan viu um motor de Galaxie, não dava para ter placa preta. Quando se trata da mesma familia de motores, como os 289 ou 302 da Ford, não vejo nenhum problema, em colocar num Mustang, por exemplo.
avatar
Convidad
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Placa Preta - Manual do avaliador da FBVA Empty Re: Placa Preta - Manual do avaliador da FBVA

Mensagem por Convidad 2 em Ter 19 Ago 2008 - 6:52



Mesmo assim, desclassifica-se o carro. Tópico MOTOR , se não for original desclassifica, com algumas excessões:
Motor:

Bloco do Motor / Coletores (10 pontos): Atribuir unicamente ao automóvel que estiver com motor original, em prefeito estado, inclusive de apresentação, cor correta, limpeza, etc.

Ou o motor é original ou não. As exceções que cada avaliador poderá aceitar ou não serão decididas em função da qualidade do próprio veículo ou sua raridade e julgada em separado pela Comissão FBVA.

O motor não original poderá gerar duas situações distintas:

- a) desclassificar o automóvel, impedindo sua avaliação, se for inadequado, como de épocas e cilindradas diferentes, de outras marcas, etc.
Ex: Ford modelo “T” com motor do modelo “A”; Chevrolet Impala com motor de Corvette; Morris Oxford com motor de Chevette, etc..

- b) Permitir a avaliação, perdendo o total de pontos correspondentes, recebendo 0 (zero).
Ex: Chev. Belair 1955 6 cil. Com motor V8 que saiu também no Belair 55. Fusca 1200cc utilizando o 1300cc será permitido, mas os pontos serão “zero”.
Motor do Fusca 1200cc alterado para 1500cc, será item desclassificatório.

Carburador / Filtro de ar (3 pontos): Cada peça tem valor de 1,5 pontos. Carburador correto e filtro de ar não, ou vice-versa, pontuar com a metade (1,5).

Distribuidor / Cabos de velas: (3 pontos): Não serão aceitos cabos de velas coloridos se não originais, de alta voltagem, tampas de distribuidor transparentes, etc.
NÃO HÁ PONTUAÇÃO INTERMEDIÁRIA: OU TRÊS PONTOS OU ZERO

...
Insulfim tanbém perde pontos
avatar
Convidad 2
Usuário Platina
Usuário Platina

Número de mensagens : 8374
Data de inscrição : 19/10/2007
Interesses : Mercedes antigas
Sexo : Masculino País : Brasil
Estado : Santa Catarina
Advertências : Sem restrição

Voltar ao Topo Ir em baixo

Placa Preta - Manual do avaliador da FBVA Empty Re: Placa Preta - Manual do avaliador da FBVA

Mensagem por Fresser em Ter 19 Ago 2008 - 7:08



João, o motor tem que ser igual ao que equipava o carro quando saiu da fábrica. Se um Mustang tinha motor 289 originalmente, a instalação de um motor 302 (prática muito comum) inviabiliza a placa preta. Abraços
Fresser
Fresser
Usuário Ouro
Usuário Ouro

Número de mensagens : 967
Data de inscrição : 19/10/2007
Interesses : Mercedes e outros automóveis clássicos
Sexo : Masculino País : Portugal
Advertências : Sem restrição

Voltar ao Topo Ir em baixo

Placa Preta - Manual do avaliador da FBVA Empty Re: Placa Preta - Manual do avaliador da FBVA

Mensagem por Convidad em Ter 19 Ago 2008 - 11:28



Por isso que eu gosto de Mercedes!!!!!

Mercedes eh assim, ou o motor eh de mercedes ou eh de Opala e pronto!!!

Dai fica facil dizer qual eh original e qual eh distinto! Esse negocio de Mustang eh mto complexo pro meu pifio e osmotico conhecimento
avatar
Convidad
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Placa Preta - Manual do avaliador da FBVA Empty Re: Placa Preta - Manual do avaliador da FBVA

Mensagem por Convidad em Ter 19 Ago 2008 - 12:02



John,

Tem muita 108 com M110.

Fresser,

Em 67 existiam ambos os motores. Além disso, todos os periféricos são intercambiáveis, até os coletores de admissão. Visualmente é impossível a distinção, com exceção da bomba d’água e mesmo essa pode ser colocada a original no 302. Sinceramente acho que é esse tipo de postura que complica tudo. Excessos teóricos e bagunça na prática, com Hot andando de placa preta.
avatar
Convidad
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Placa Preta - Manual do avaliador da FBVA Empty Re: Placa Preta - Manual do avaliador da FBVA

Mensagem por Convidad em Ter 19 Ago 2008 - 12:46



Joao,

Serio?! Fora uma W123 a gas que recentemente vi, nao conheco nenhuma W108 com motor M110. Coloque fotos! Com um motor M110 injetado deve ficar um carro muito gostoso
avatar
Convidad
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Placa Preta - Manual do avaliador da FBVA Empty Re: Placa Preta - Manual do avaliador da FBVA

Mensagem por Convidad 2 em Ter 19 Ago 2008 - 13:03



HHHUUUMMMM boa ideia... :roll: :roll:
avatar
Convidad 2
Usuário Platina
Usuário Platina

Número de mensagens : 8374
Data de inscrição : 19/10/2007
Interesses : Mercedes antigas
Sexo : Masculino País : Brasil
Estado : Santa Catarina
Advertências : Sem restrição

Voltar ao Topo Ir em baixo

Placa Preta - Manual do avaliador da FBVA Empty Re: Placa Preta - Manual do avaliador da FBVA

Mensagem por Convidad em Ter 19 Ago 2008 - 13:38



John,

Falei de forma genérica. Tem uma vinho nas Gerais que me falaram que era assim.
avatar
Convidad
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Placa Preta - Manual do avaliador da FBVA Empty Re: Placa Preta - Manual do avaliador da FBVA

Mensagem por Convidad 4 em Ter 19 Ago 2008 - 13:41



Joao

É uma que gastou 35mil reais na reforma? Hehehehehe...
avatar
Convidad 4
Usuário Platina
Usuário Platina

Número de mensagens : 8341
Data de inscrição : 19/10/2007
Interesses : MB's décadas de 70,80 e 90
Sexo : Masculino País : Brasil
Estado : São Paulo
Advertências : Sem restrição

Voltar ao Topo Ir em baixo

Placa Preta - Manual do avaliador da FBVA Empty Re: Placa Preta - Manual do avaliador da FBVA

Mensagem por Convidad 2 em Ter 19 Ago 2008 - 16:12



Mas essa eu conheço, quando vi e andei, tinha motor original...
avatar
Convidad 2
Usuário Platina
Usuário Platina

Número de mensagens : 8374
Data de inscrição : 19/10/2007
Interesses : Mercedes antigas
Sexo : Masculino País : Brasil
Estado : Santa Catarina
Advertências : Sem restrição

Voltar ao Topo Ir em baixo

Placa Preta - Manual do avaliador da FBVA Empty Re: Placa Preta - Manual do avaliador da FBVA

Mensagem por Perissoto em Ter 19 Ago 2008 - 18:50



Conheço este motor a que se refere. As velas ficam no meio
da tampa de valvulas. Não seria este o famoso 8 BA? Igual
ao fas F1?
Perissoto
Perissoto
Usuário Prata
Usuário Prata

Número de mensagens : 403
Data de inscrição : 11/02/2008
Interesses : Mercedes Benz Antigas
Sexo : Masculino País : Brasil
Estado : São Paulo
Advertências : Sem restrição

Voltar ao Topo Ir em baixo

Placa Preta - Manual do avaliador da FBVA Empty Re: Placa Preta - Manual do avaliador da FBVA

Mensagem por Convidad em Ter 19 Ago 2008 - 18:51



Perissoto,

Exatamente. Todos os Fords V8 até 1953 eram iguais, somente com difereças em relação a cilindrada.
avatar
Convidad
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Placa Preta - Manual do avaliador da FBVA Empty Re: Placa Preta - Manual do avaliador da FBVA

Mensagem por Conteúdo patrocinado




Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 1 de 3 1, 2, 3  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum